Peça já seu orçamento!

Fronteiras Americanas abertas – Veja as novas exigências para fazer sua viagem

por | set 20, 2021 | Documentos de Viagem, Notícias, Planejamento

Última atualização deste post: 09/11/2021. 


O governo americano determinou a abertura de suas fronteiras para todos os estrangeiros totalmente vacinados a partir de 08 de novembro de 2021. Com a decisão, pessoas saindo do Brasil rumo aos EUA não precisam mais fazer quarentena de 14 dias em outros países. Encerram-se assim as restrições de viagem dos Estados Unidos com diversos países, incluindo o Brasil, que já duravam há cerca de 1 ano e meio.

 

Veja as novas regras

» Viajantes internacionais que quiserem entrar nos EUA, incluindo cidadãos do país, terão a entrada permitida desde que estejam completamente imunizado contra a Covid-19

» Todos deverão apresentar um comprovante de vacinaçãoVale lembrar que o aplicativo Conecte SUS disponibiliza um certificado de vacinação contra a Covid em 3 idiomas – Português, Inglês e Espanhol. Esse poderá ser seu comprovante.

» Mesmo vacinados, os passageiros deverão apresentar teste negativo para Covid-19. O exame deverá ser feito até 3 dias antes do embarque. Os Estados Unidos aceitam o teste rápido de antígeno, que também passou a ser aceito no retorno ao Brasil.

» Crianças e adolescentes com até 18 anos de idade não precisam comprovar vacinação. Porém, será exigido que menores com 2 a 17 anos, apresentem um teste negativo para a Covid-19 feito até três dias antes do embarque (caso estejam acompanhadas de adultos vacinados) ou até um dia antes (caso viajem sozinhas ou com quem têm autorização para entrar no país sem vacina)

» É necessário ter tomado todas as doses da vacina pelo menos 2 semanas antes da data de embarque. 

» O passageiro precisará informar às companhias aéreas dados de contato para possível rastreamento no caso de doença ou contato com infectados. Um e-mail e um número de telefone estão entre as exigências.

» Essas regras estão vigentes desde 08/11/2021, além dos tradicionais requisitos para entrar nos EUA como passaporte e visto americano válido é claro. Se quiser consultar todos os detalhes no site oficial do CDC (Centers for Disease Control and Prevention), basta clicar aqui.

» Todos os passageiros também deverão fornecer informações de contato às companhias aéreas antes de embarcar em voos para os Estados Unidos. Isso é necessário para identificar rapidamente e entrar em contato com pessoas nos EUA que podem ter sido expostas a uma doença transmissível, como COVID-19. O acesso às informações de contato dos viajantes permitirá que os departamentos de saúde federais, estaduais e locais compartilhem informações de saúde pública  para ajudar a manter a segurança do público.

a

a

Há exceções para exigência da vacina? 

Sim, segundo informou o governo americano na segunda-feira dia 25/10, ficam isentos de apresentar comprovantes de vacinação:

»  Participantes de alguns ensaios clínicos de possíveis vacinas contra a Covid-19

» Passageiros com contraindicação médica para as vacinas

» Pessoas com necessidade de viajar emergencialmente ou por razões humanitárias (que deverão apresentar uma carta do governo dos EUA comprovando a situação). No entanto, estes viajantes estão obrigados a apresentar teste negativo para a Covid-19 feito 24 horas antes do embarque.

a

a

Quais vacinas serão aceitas

O governo americano declarou que vai aceitar a entrada de viajantes internacionais que tenham tomado vacinas contra a Covid-19 aprovadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) ou pela FDA, autoridade reguladora equivalente à Anvisa nos Estados Unidos. Portanto, os quatro imunizantes aplicados no Brasil estão entre as vacinas autorizadas pelos EUA:

» Pfizer/BioNTech

» Oxford/AstraZeneca — produzida no Brasil pela Fiocruz

» CoronaVac — produzida no Brasil pelo Instituto Butantan

» Janssen — Johnson & Johnson

» SinoPharm

OBS: É necessário ter tomado todas as doses da vacina pelo menos 2 semanas antes da data de embarque. 

a

a

Qual documento será aceito para comprovar a vacinação

O comprovante de vacinação deverá ser apresentado à companhia aérea antes de embarcar – Será aceito o comprovante oferecido pelo Ministério da Saúde por meio do app Conecte SUS. Veja aqui como obter o certificado que comprova imunização contra Covid.

Nele deve constar, obrigatoriamente:

»  Nome completo e data de nascimento

»  Centro de aplicação da vacina

»  Nome da vacina

»  Doses administradas

»  Datas de aplicação

a

a

Continua sendo obrigatório usar mascara durante a viagem?

Sim. É necessário máscara que cubra o nariz e a boca durante a viagem de avião. O item também é exigido ao utilizar o transporte público nos EUA e em alguns locais, especialmente em ambientes fechados.

a

a

E o Consulado Americano no Brasil já abriu?

Sim. Os Consulados Americanos no Brasil voltaram a operar no dia 08/11/21, mesmo dia em que as fronteiras foram abertas.

A retomada do serviço é integral valendo tanto para emissão de novos vistos quanto para renovação.

Devido ao fato de os Consulados estarem com as emissões de visto de turismo para brasileiros suspensas dede março de 2020, há uma demanda reprimida que levou lotação da agenda. Mas segundo o chefe da seção consular, Antonio G. Agnone, quem está na fila do agendamento para o próximo ano, poderá consultar o sistema constantemente e tentar solicitar antecipação da entrevista mediante disponibilidade.

Consultamos constantemente o sistema de agendamento e vimos que estão disponibilizando novas vagas ao longo do ano de 2022. Só que as mesmas esgotam rapidamente. Já abriu até para dezembro deste ano, mas se esgotou em minutos.

Se  você já possui um visto válido e ele está com vencimento o próximo, nossa sugestão é dar entrada o quanto antes no requerimento de renovação do seu visto.

💡 Precisa solicitar ou renovar seu visto americano? Entre em contato com a gente. Podemos assessorá-lo neste processo.

Regras e documentos exigidos para o retorno ao Brasil

Para entrar no Brasil por via aérea, os viajantes vindos do exterior, ainda que tenham nacionalidade brasileira, devem preencher a Declaração de Saúde do Viajante (DSV) e apresentar teste negativo para Covid-19. O teste pode ser antígeno ou PCR.

A Declaração tem por objetivo conhecer a situação de saúde do viajante antes do embarque. O viajante deve apresentar à companhia aérea o e-mail de comprovação do preenchimento da declaração (impresso ou por meio digital) antes do embarque para o Brasil. Não será permitido o ingresso no Brasil de viajante procedente do exterior que não portar a DSV.

A DSV pode ser acessada aqui.

Regras para o exame de regresso ao Brasil

Todas as pessoas que viajam do exterior para o Brasil (brasileiros ou não) precisam preencher o formulário de declaração de saúde do viajante (DSV) da Anvisa e apresentar um teste RT-PCR negativo ou não reagente feito até 72 horas antes do embarque ou um teste antígeno negativo ou não reagente feito 24 horas antes do embarque. Observe as exigências quanto ao teste:

»  O documento deverá ser apresentado no idioma português, espanhol ou inglês;

»  O teste deverá ser realizado em laboratório reconhecido pela autoridade de saúde do país do embarque;

»  Na hipótese de voo com conexões ou escalas em que o viajante permaneça em área restrita do aeroporto, o prazo de 72 horas para o teste PCR ou 24 horas para o teste antígeno será considerado em relação ao embarque no primeiro trecho da viagem;

»  O viajante que realizar migração que ultrapasse o número de horas exigido em cada tipo de teste conforme mencionado acima, desde a realização do teste deverá apresentar documento comprobatório da realização de novo teste com resultado negativo ou não reagente para o coronavírus no check-in para o embarque ao Brasil;

» Crianças com idade inferior a doze anos que estejam viajando acompanhadas estão isentas de apresentar documento comprobatório de realização de teste laboratorial desde que todos os acompanhantes apresentem documentos comprobatórios de realização de teste laboratorial com resultado do teste negativo ou não reagente para o coronavírus;

» Crianças com idade igual ou superior a dois e inferior a doze anos que estejam viajando desacompanhadas deverão apresentar documento comprobatório de realização de teste laboratorial com resultado negativo ou não reagente para o coronavírus;

»  Crianças com idade inferior a dois anos estão isentas de apresentar documento comprobatório de realização de teste laboratorial.

Onde fazer o teste de COVID nos EUA

Você poderá fazer o exame em várias farmácias nos EUA. CVS e Walgreens são as mais conhecidas. Também poderá fazer o teste no Center for Covid Control, onde o teste antígeno é gratuito. O teste PCR é pago. Até a data da atualização deste post, o valor do PCR era USD 100. Basta entrar no site clicando aqui e  escolher a localização do laboratório mais perto de você no mapa. Há centros de atendimento nas principais cidades dos EUA

Vale ressaltar que o Center for Covid Control é uma organização sem fins lucrativos, que oferece o teste PCR com resultado em até 48 horas e antígeno em até 3 horas. Eles possuem parceria com um laboratório aprovado e licenciado pelo CDC (Centers for Disease Control and Prevention)

a

a

Resumo de links úteis

Certificado de vacinação oficial em inglês: Saiba como obter o seu clicando aqui.

Visto americano: Para as informações sobre como obter seu visto, clique aqui

CDC: Todas as informações atualizadas das determinações do governo americano poderão ser consultadas clicando aqui.

Center for Covid Control: Para acesso ao site do laboratório para teste antígeno gratuito nos EUA clique aqui

Conte sempre com nossa agência de viagens para tirar seu visto americano, organizar sua viagem e fazer suas reservas!

Amanda Gagliastri

Travel Designer

    0 comentários

    Enviar um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Precisa de ajuda? Converse com a gente!